Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A

Exposição Fantasias Brasileiras - Museu de Arte Naïf Anatole Jakovsky, Nice, França



Fantasias Brasileiras
10 de junho - 3 de outubro de 2016

Vernissage > Quinta-feira, 9 de junho às 19 horas

Na presença do Sr. Gérard Baudoux,
Vice-Prefeito de Nice, delegado aos museus e à arte moderna e contemporânea que representam Christian Estrosi, Presidente da Região Provence-Alpes-Côte d’Azur, Prefeito de Nice, Jacques Ardiès representante do Ministério da Cultura de São Paulo André de Montigny, Cônsul Honorário do Brésil em Mônaco


Museu Internacional de Arte Naïf Anatole Jakovsky ( foto acima )
23 avenue de Fabron - Nice

Vìdeo Museu Internacional de Arte Naïf Anatole Jakovsky

Em parceria com o Ministério da Cultura de São Paulo, a cidade de Nice recebe, de 10 de Junho a 3 de outubro de 2016, no Museu Internacional de Arte Naïf Anatole Jakovsky, “Fantasia brasileira”, uma exposição que reflete a originalidade da Arte Primitiva Moderna Brasileira a partir de uma mistura étnica, de um sincretismo religioso, de uma necessidade imperiosa de enfrentar as dificuldades da vida e de substituir as cores de esperança. A abertura aconteceu no dia 9 de junho.

Música de Villa Lobos e samba popular, cerimônias vodu e jogos de futebol, campos de milho e agitação das grandes cidades, todos os aspectos da vida brasileira se reúnem nesta exposição através de setenta obras de artistas que marcaram a arte naïf brasileira dos anos 40 até hoje. Antonio Poteiro, Chico da Silva, Miranda, Isabel de Jesus, Ivonaldo Madeleine Colaço, Waldomiro de Deus ....

Após a Segunda Guerra Mundial, a arte naïf brasileira nasce da necessidade de fuga dos homens e mulheres carentes (agricultores, mecânicos ou cozinheiros) que necessitam de criatividade. Por suas qualidades "mágicas" do Candomblé e também pelas suas características artísticas, ele desperta em seguida, o interesse de intelectuais como Lévi Strauss e de pintores surrealistas desafiados pela autenticidade desta expressão. Desde então, esta arte feita de ritmo e de cores, continuou a demonstrar a sua inocência, tornando-se um componente essencial da linguagem pictórica do Brasil.


Legenda e crédito da foto (livre para uso)
Crisaldo Morais – Os equilibristas - 100 x 70 cm – 1979 – c.p

Museu Internacional de Arte Naïf Anatole Jakovsky
Château Sainte-Hélène

23 avenue de Fabron - Nice
Aberto todos os dias exceto terças-feiras, das 10h às 18h

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Divulgação

Postado por Angela Karam - 04/07/2016 às 19:32




Leia mais sobre Eventos - Página inicial

Siga-nos no Facebook
www.facebook.com/Turismo-SA
Siga-nos no Instagram
www.instagram.com/turismo.sa