×
TURISMO SA FOR BUSINESS DESTINOS NACIONAIS DESTINOS INTERNACIONAIS CITY BREAK TURISMO E MERCADO FEIRAS EVENTOS HOTELARIA GASTRONOMIA DICAS TURISMO SA TV TESTADO E APROVADO ÚLTIMAS NOTÍCIAS PARCEIROS QUEM SOMOS - EQUIPE CONTATO
     

Whats Instagram Instagram Facebook
×
ENCONTRE SUA NOTÍCIA

TURISMO-SA - Angela Karam e Camila Karam
FEIRAS

Maior diferencial desta edição é o lançamento da carreta alambique-escola Brasil, de capacitação e aperfeiçoamento da cadeia produtiva





Belo Horizonte se transforma em palco da maior feira de cachaça do mundo

Maior diferencial desta edição é o lançamento da carreta alambique-escola Brasil, de capacitação e aperfeiçoamento da cadeia produtiva, com alambique de cachaça, laboratório, sala de aula para 15 alunos, biblioteca e vidioteca, que percorrerá todos os estados produtores

De 8 a 11 de junho, de quinta-feira a domingo, Belo Horizonte recebe a maior e mais importante feira de cachaça do mundo. Considerada a vitrine mundial da bebida, a Expocachaça comemora em 2017 20 anos de atividades inimterruptas. Esta é a 27ª edição da festa. Com um público total de mais de 2 milhões de visitantes ao longo de duas decadas, a Expocachaça recebe produtores de Minas Gerais e outros estados, apresentando diversas marcas da bebida para comercialização. Além disso, o sucesso do evento está na sua concepção de Feira e Festival, que traz uma programação eclética em que entretenimento, gastronomia e negócios convivem harmonicamente.



A novidade desta edição será o lançamento de uma unidade móvel pioneira: a carreta Alambique-Escola Brasil de capacitação e aperfeiçoamento da mão-de-obra da cadeia produtiva e de valor do agronegócio da cachaça. A iniciativa vem atender a demanda dos estados produtores da bebida, como elemento catalizador do processo de modernização do setor, levando até os produtores o conhecimento necessário para produzirem com qualidade e dentro dos padrões legais e exigidos pelo mercado de bebidas destiladas no mundo, tornando a cachaça um produto mais competitivo.

O projeto é uma realização do CBRC - Centro de Referência da Cachaça, a Truckvan (a maior empresa de soluções sobre rodas do Brasil, com a parceria da empresa Alambiques Santa Efigênia e EMATER-MG. Ela conta com um alambique de cachaça, coluna de álcool, laboratório, sala de aulas para 15 alunos, biblioteca e videoteca. Ela será lançada na Expocachaça com a realização de aulas-show.

Segundo José Lúcio Mendes, presidente da Expocachaça, o evento foi o principal responsável pela visibilidade atingida e pelo status de destilado nobre, retirando a bebida do gueto a que esteve relegada por muitos anos, promovendo sua divulgação nos mercados interno e externo. “O sucesso do evento está na sua concepção de Feira e Festival, com uma proposta aberta a novos expositores e uma programação mais eclética e complementar, em que negócios, lazer, entretenimento, gastronomia, turismo, cultura e espetáculo interagem em convivem harmonicamente”, ressalta.



Outro destaque da Expocachaça é a 11ª. edição o Brasil Bier, festival que acontece dentro da feira e que apresenta as principais microcervejarias do cenário nacional. Diversos produtores de cachaça, em busca de novos caminhos e oportunidades nos negócios, estão entrando também no mercado de cervejas, como a Cachaça Folhas de Oliva, por exemplo.

Ao longo das 26 edições anteriores, totalizando 20 anos de atividades, a Expocachaça já mobilizou um público superior a dois milhões de visitantes. Para este ano, o evento cresceu 25%, ocupando uma área de 12 mil m².

6ª Avaliação às Cegas

A Feira contará também com a 6ª Avaliação com Degustação às Cegas e Classificação das Cachaças dos Expositores da 27ª Expocachaça. O concurso é realizado por profissionais altamente qualificados e coordenados por Lorena Simão, do LABM – Laboratório Amalize Maia, Renato Frascino, coordenador de diversos cursos de bebidas e técnico sensorial de alimentos e bedidas, e Renato Costa, presidente da ABS – Associação dos Somelieres do Brasil – MG.

Segundo José Lúcio, o objetivo é avaliar a evolução e a qualidade dos produtos das diversas regiões produtoras de cachaça do país, presentes no evento, sob o ponto de vista sensorial e organoléptico, sinalizando para o mercado brasileiro e internacional o alto nível da produção da bebida em suas diversas categorias e apresentações.



As cachaças serão julgadas em sete categorias:

1) Brancas Puras armazenadas em tanques de inox ou vasilhame inerte, sem passar por qualquer tipo de madeira;

2) Descansadas em madeiras como amendoim, jequitibá, entre outras que não interferm na cor;

3) Envelhecidas em Carvalho Francês;

4) Envelhecidas em Carvalho Americano;

5) Envelhecidas em diversas madeiras brasileiras, como Amburana, Bálsamo, Loro e Canela, Castanheira, Pau Brasil, entre outras;

6) Envelhecidas na Categoria Extra-Premium, envelhecidas acima de três anos;

7) Bebidas com cachaça.

Academia Brasileira da Cachaça de Alambique (ABAC)

Durante a Feira, será realizada também uma reunião com da Academia Brasileira da Cachaça de Alambique – ABCA. A entidade é constituída por profissionais dedicados ao pleno desenvolvimento das cadeias produtiva, de valor e de suprimentos da Cachaça de Alambique e dos setores de bebidas e gastronomia.O objetivo é propor e coordenar projetos e ações estratégicas, preferencialmente em rede e com instituições afins, além de fomentar e apoiar iniciativas públicas e privadas, quando integradas aos propósitos finalísticos da ABCA.

“A ABCA tem por finalidade gerar resultados positivos para o negócio da Cachaça Artesanal de Alambique, reduzir entraves, induzir políticas públicas e privadas, abrir mercados e melhorar a qualidade e visibilidade de nossa bebida nacional”, afirma José Lúcio.

Serviço

Data: de 8 a 11 de junho de 2017, quinta-feira à domingo

Horário: De quinta a sábado, das 12h às 00h; domingo das 10h às 22h

Local: Expominas (Av. Amazonas, 6030 – Gameleira) - Belo Horizonte - MG

Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia entrada)

Estudantes pagam meia entrada com carteira estudantil e comprovante escolar.

*Não pagam ingressos:

Menores de 12 anos acompanhados de um responsável

Idosos com 65 anos ou mais (neste caso, será necessária a apresentação de documentação com foto que comprove a idade).

OBS: As bilheterias fecham uma hora antes do término do evento

Saiba mais: http://www.expocachaca.com.br

Fonte: Assessoria de Imprensa

Postado por
no dia 29/05/2017 às




ENVIE PARA UM AMIGO



Leia mais sobre Feiras

LEIA TAMBÉM: