TURISMO-SA


DESTINOS INTERNACIONAIS

Rainha Elizabeth II será a monarca com reinado mais longo da Grã-Bretanha



Rainha Elizabeth II está prestes a se tornar a monarca com reinado mais longo da Grã-Bretanha

No próximo dia 9 de setembro, um marco histórico e real será alcançado: Sua Majestade, a rainha Elizabeth II, se tornará a monarca com reinado mais longo da história britânica, ultrapassando os 63 anos e sete meses de reinado da rainha Vitória.

A monarquia na Grã-Bretanha perdura desde o século 10 e atualmente há vários castelos, palácios e lugares tradicionais e emblemáticos ainda usados com frequência pela rainha e a família real que ficam abertos para os visitantes explorarem, vivenciarem e desfrutarem de um toque de realeza. Conheça abaixo alguns deles, que podem ser incluídos no roteiro de sua próxima viagem à Grã-Bretanha.

INGLATERRA

Palácio de Buckingham, Londres
Residência dos soberanos da Grã-Bretanha desde 1837, o Palácio de Buckingham é, provavelmente, a residência real mais conhecida do mundo e abre suas portas para visitação durante a temporada de verão. Neste ano, pela primeira vez, os visitantes têm acesso aos salões pela entrada principal, usada por aqueles que vêm ao palácio a convite da rainha, incluindo chefes de Estado e primeiros-ministros. Descubra como as pessoas são recebidas no Palácio de Buckingham, o que acontece nos bastidores para criar a magia e a grandeza de uma visita de Estado - dos ingredientes usados nos pratos servidos à porcelana escolhida para um banquete de Estado. Os visitantes também podem conhecer a Cavalariça Real, um dos estábulos em funcionamento mais belos que ainda existem no país, e onde ocorre o treinamento dos cavalos que puxam as carruagens reais. Os veículos do Estado também são mantidos ali. www.royalcollection.org.uk


Palácio de Kensington, Londres
Esse palácio é a residência oficial em Londres do princípe William e de Kate Middlenton - duque e duquesa de Cambridge. No passado foi lar da irmã da rainha, a princesa Margaret, e de Diana, a princesa de Gales. Além disso, também era o núcleo da vida da corte nos séculos 17 e 18. O palácio passou por uma renovação de 12 milhões de libras (18,47 milhões de dólares), a qual melhorou a experiência dos visitantes. Victoria Revealed (Vitória Revelada) é uma das exposições permanentes do palácio, que explora a vida e os amores da única outra monarca britânica a celebrar um Jubileu de Diamante, a rainha Vitória. www.hrp.org.uk/KensingtonPalace



Hampton Court, Surrey, sudeste da Inglaterra
Hampton Court reúne a história de dois palácios - o palácio Tudor criado pelo cardeal Wolsey, o qual ele perdeu para o rei Henrique VIII, e o mais recente palácio barroco, criado por William III e Mary II. Os destaques atuais incluem a bela Capela Real, as cozinhas Tudor, o magnífico Grande Salão e a Galeria Assombrada, além de 24 hectares de jardins maravilhosos com fontes, exibição de mais de 200 mil bulbos de flores e 303 hectares de tranquilo parque natural real. Hampton Court fica a cerca de 35 minutos de trem partindo da estação London Waterloo. www.hrp.org.uk/HamptonCourtPalace


Castelo de Windsor, Windsor, Berkshire, centro-sul da Inglaterra
O castelo de Windsor é o maior e mais antigo castelo em funcionamento do mundo, e uma das residências reais favoritas da rainha. A localização excepcional do castelo sintetiza 900 anos de história britânica e, ao lado do palácio real, a capela gótica de St George guarda as tumbas de dez soberanos, inclusive de Henrique VIII.



No Windsor Home Park, parque particular ao lado do castelo de Windsor, fica a Frogmore House, que tornou-se propriedade real no século 16. É rica em história, com uma longa e ilustre sucessão de proprietários reais. A rainha-mãe gostava muito da Frogmore House e passou parte de sua lua-de-mel lá, em 1923. Apesar de não ser mais uma residência real, Frogmore House é usada com frequência para entretenimento pela família real - foi o local da recepção de casamento do neto mais velho da rainha, Peter Phillips, em maio de 2008. O local pode ser visitado apenas no verão europeu. www.royalcollection.org.uk/windsorcastle, www.royalcollection.org.uk/frogmorehouse

Clarence House, Londres
Residência oficial do príncipe de Gales, da duquesa de Cornwall e do príncipe Harry. O príncipe de Gales morou pela primeira vez na Clarence House quando tinha entre 1 e 3 anos de idade, na época em que a princesa Elizabeth e o duque de Edimburgo mudaram-se para lá depois de seu casamento, e foi o último lar da rainha Elizabeth, a rainha-mãe. Há excursões públicas e particulares que abrangem a sala Lancaster, a sala da manhã, a biblioteca, a sala de jantar e a sala do jardim, na qual o príncipe de Gales e a duquesa de Cornwall realizam encontros oficiais e recebem convidados do mundo todo. www.royalcollection.org.uk/clarence-house

Sandringham House, Norfolk, leste da Inglaterra
A família real viaja para Sandringham para desfrutar da preservada região campestre. Tradicionalmente, a rainha e sua família também passam o Natal nesta propriedade. É a residência particular de quatro gerações de monarcas britânicos desde 1862. A casa, situada em 24 hectares de belíssimos jardins, talvez seja a mansão mais famosa de Norfolk e está no centro dos 8 mil hectares da propriedade rural de Sandringham, dos quais 240 hectares compõem a floresta e o urzal da reserva, com acesso gratuito ao público todos os dias do ano. A cidade mais próxima é Kings Lynn, que fica a 95 minutos de trem de Londres, partindo da estação London Kings Cross. www.sandringhamestate.co.uk/visiting-sandringham


ESCÓCIA

Castelo de Balmoral, Aberdeenshire, norte da Escócia
Situado em meio ao cenário magnífico de Royal Deeside, a propriedade Balmoral abarca pouco mais de 20.234 hectares de montanhas cobertas de urze e floresta caledoniana. Adorado pela rainha Vitória e pelo príncipe Albert, o castelo de Balmoral continua sendo a residência favorita da atual família real durante as férias de verão. As dependências da propriedade, os jardins e as exposições estão abertos para os visitantes de abril ao início de agosto. A entrada inclui acesso às seguintes atrações: jardins, horta, fauna selvagem, exposição audiovisual e o maior cômodo do castelo, o salão de festas. A estação de trem mais próxima e o aeroporto internacional ficam em Aberdeen, a cerca de 80 quilômetros ao leste de Balmoral. www.balmoralcastle.com


Iate Real Britannia, Edimburgo
A antiga residência flutuante da rainha agora é uma atração turística cinco-estrelas, ancorada permanentemente em Edimburgo. O iate real, cuja comemoração de 60 anos ocorreu recentemente, recebeu algumas das pessoas mais famosas do mundo, mas, acima de tudo, foi lar da família real britânica por mais de 40 anos. É possível visitar o barco e desfrutar de um tradicional chá da tarde com bolo no convés. Ancorado em Leith, do iate real Britannia dá para ir a pé até a principal área comercial de Edimburgo, a Princes Street. www.royalyachtbritannia.co.uk


Palácio de Holyrood House, Edimburgo
Este palácio é a residência oficial da rainha na Escócia. O belo palácio barroco ao final da Royal Mile de Edimburgo é muito associado à rica história da Escócia e, possivelmente, mais conhecido como a casa de Mary, rainha dos escoceses. Hoje, os salões são usados regularmente pela rainha Elizabeth II e por outros membros da família real para cerimônias de Estado e festas oficiais, mas os apartamentos do palácio ficam abertos o ano todo, exceto durante visitas reais e em determinadas datas. www.royalcollection.org.uk/palace-of-holyroodhouse

Castelo de Mey, Thurso, Caithness
Anteriormente chamado de Castelo Barrogill, Mey é o castelo inabitado mais ao norte do continente. Praticamente em ruínas, o castelo foi reformado e restaurado pela rainha-mãe, que também criou belos jardins e usou-o como casa de veraneio no extremo norte da Escócia. Atualmente, fica aberto ao público, que o visita pela história e pelas vistas magníficas do Estuário de Pentland e das Ilhas Órcades. A estação de trem mais próxima é a de Thurso, que fica a quatro horas de Inverness, no norte da Escócia. www.castleofmey.org.uk/index

Hebridean Princess, Hébridas, oeste da Escócia
Uma charmosa e pequena embarcação, com bebidas servidas antes do jantar na sala de estar, quartos de estilo um pouco ultrapassado e serviço impecável. A própria rainha Elizabeth já desfrutou de férias em família a bordo do navio duas vezes. Os itinerários de lazer, navegando pelas Hébridas e pela costa das Highlands no oeste da Escócia, incluem observação de pássaros em ilhas remotas, visitas a castelos e jardins, além de empréstimo de bicicletas para exploração independente. O Hebridean Princess parte de Oban, que fica a cerca de três horas de carro a noroeste de Glasgow, com itinerário cênico. www.hebridean.co.uk


PAÍS DE GALES

Llwynywermod, Carmarthenshire, sudoeste de Gales
Esta fazenda é a residência do príncipe Charles quando ele está no País de Gales. Quando ele não está lá, os chalés podem ser alugados, proporcionando aos visitantes a oportunidade de ficar exatamente no mesmo ambiente que o futuro rei. A propriedade pertence ao duque de Cornwall e é administrada dentro dos moldes estritamente ecológicos, condizentes com os valores ambientais do príncipe Charles. O isolamento é feito de lã de carneiro, a caldeira funciona com lascas de madeira e a eletricidade é proveniente de fontes renováveis. Os chalés ficam próximos às montanhas e cachoeiras espetaculares do Parque Nacional de Brecon Beacons. A fazenda de Llwynywermod fica a cerca de três horas e meia de carro de Londres, na direção oeste. O acesso por transporte público é difícil. www.duchyofcornwallholidaycottages.co.uk

IRLANDA DO NORTE

Castelo de Hillsborough, County Down
Residência oficial da rainha na Irlanda do Norte, esta impressionante mansão do século 18 foi construída nos anos de 1770 por Wills Hill, o primeiro marquês de Downshire. Antiga casa do governador da Irlanda do Norte, a mansão agora é a residência oficial do ministro de Estado da Irlanda do Norte. Veja o salão de festas, as salas de jantar e a mobília, além da prataria do HMS Nelson. O maior arbusto de rododendro da Europa fica dentro da propriedade. O castelo e os jardins abrem ao público aos sábados e domingos, de abril a setembro. County Down está a 40 minutos de carro ao sul de Belfast. www.discovernorthernireland.com/Hillsborough-Castle-and-Gardens

Fonte: VisitBritain

Postado por Angela Karam - 28/08/2015 às 19:16



Leia mais sobre Destinos Internacionais - Página inicial