Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A
Turismo S/A

Campanha Argentina em Reai$: Buenos Aires por 10 de R$ 107,00



Workshop

Buenos Aires por 10 de R$ 107,00 - Duas noites de hotel em Buenos Aires e passagem de ida e volta, a partir de São Paulo, por 10 parcelas de R$ 107,00. Este é um dos pacotes que o pool de operadoras brasileiras já está comercializando e que integra a campanha "Argentina em Reai$", lançada na última terça-feira (dia 20), em parceira com o Inprotur - Instituto Nacional de Promoção Turística e a Aerolíneas Argentinas.

Segundo Jaime Ríos, coordenador do Mercado Brasil do Inprotur, o objetivo é mudar a ideia do brasileiro de que para sair do País precisa de dólares. “Esqueçam o dólar e o câmbio. É possível comprar a viagem em reais e também utilizar essa moeda na Argentina” - explicou.

Do evento, realizado na Casa Argentina, em São Paulo, participaram 52 expositores, dos quais 35 representantes de empresas, produtos e destinos argentinos; a Aerolineas Argentinas; e as 16 operadoras brasileiras integrantes do pool: Ambiental, Agaxtur, Ancoradouro, CVC, Flot Viagens, Flytour Viagens, Intercontinental, Interpoint, Maktour, MMTGapnet, Monark, New Age, Soft Travel, Tam Viagens, Viagens Master e Visual Turismo.

Além do workshop e das capacitações sobre destinos argentinos, os agentes de viagens convidados puderam saborear produtos típicos como empanada, alfajor e triples e arriscar a sorte em uma roleta.

O evento foi prestigiado pelas presenças do ministro de Turismo da Argentina, Enrique Meyer; do secretário Nacional de Turismo, Daniel Aguillera; e de Oscar Ghezzi, presidente da Câmara Argentina de Turismo.

Roberto Canessa

De acordo com Meyer, o “Argentina em Reai$” deverá motivar ainda mais o brasileiro a viajar para o país vizinho. “O Brasil é nosso principal mercado emissor de turistas e certamente continuará sendo. O movimento vem se mantendo e os voos da Aerolíneas Argentinas, neste mês de outubro, está com 80% de ocupação” - informou.

Roberto Canessa encerrou o evento com uma palestra. Uruguaio de nascimento, Canessa é um dos sobreviventes do acidente com o avião Fairchild Hiller 227, da Força Aérea Uruguaia, que caiu nos Andes, em 1972. O então integrante de um clube de rúgbi, que tinha 19 anos na época, é hoje um dos maiores especialistas em cardiologia infantil do Uruguai.

Roberto Canessa

Canessa falou sobre sua experiência de ter passado mais de dois meses sobrevivendo nas montanhas cobertas de neve. Lembrou-se de momentos dramáticos como o de enfrentar uma avalanche e a morte de companheiros. Roberto Canessa caminhou durante 10 dias, junto com mais dois colegas, até encontrar um camponês chileno.

Fonte: Nina Marciano Comunicações

Postado por Angela Karam - 22/10/2015 às 15:29



Leia mais sobre Turismo e Mercado - Página inicial

Siga-nos no Facebook
www.facebook.com/Turismo-SA
Siga-nos no Instagram
www.instagram.com/turismo.sa